quarta-feira, 29 de outubro de 2008

CHUVA DA PITANGA

Ao que parece ontem tivemos a primeira chuva da Primavera, do jeito que eu gosto, com a Natureza em movimento e som. Trovões, vento, granizo e água agitaram São Lourenço durante a tarde para depois, na bonança depois da tempestade, apreciarmos o lindo céu pontilhado de estrelas, os iluminados vagalumes e o ar fresco à noite.Minha pitangueira, pela primeira vez, ficou carregada de frutos este ano enfeitando de vermelho a copa verdinha.
Chuva de granizo sempre surpreende pois "pedra" caindo do céu não faz parte da rotina de nossa vida. A de ontem não foi das mais fortes, mas as pedras eram de bom tamanho, e fizeram bastante barulho nos telhados.
Hoje não precisei de muito trabalho para colher as pitangas que já estavam no chão, após a chuva de ontem.
Acho que dará um potinho de geléia ou uma boa jarra de suco.
Obs: a travessa branca foi herdada da minha avó Olívia, e é bem antiga.

8 comentários:

  1. Nunca provei, mas tem aspecto de ser tão delicioso!

    ResponderExcluir
  2. E que pedras de granizo, hein??
    Enormes!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Hazel, vocês não tem pitangas por aí ? A Eugenia uniflora, seu nome científico, é originária do Brasil , e não exige cuidados. Os frutos são muito bonitinhos com sua cor vermelho vibrante e a florada branca exala um perfume delicioso que atrai uma infinidade de insetos.
    Beijo
    Flora Maria

    ResponderExcluir
  4. Oi, Hazel, essa chuva foi forte em outros bairros, e destelhou casas, derrubou árvores e deixou sem energia elétrica durante algum tempo. Dizem que os ventos chegaram a 100k/h !
    Onde moro não foi assim.
    O clima anda louco, pois só agora é que começaram as chuvas de Primavera...
    O granizo faz muito estrago, mas é um acontecimento mágico que sempre faz todos correrem para ver a "chuva de pedras".
    Beijo
    Flora Maria

    ResponderExcluir
  5. Como vai Flora?

    Primavera chegando por aí e o nosso outono ainda meio envergonhado... anda tudo um pouco fora do seu tempo.Parece que teremos de nos ir habituando às mudanças que decerto virão para ficar.
    Nunca vi pitangas...nem sabia que era nome de fruto!
    Agradecida por ir mostrando.
    Adoro ver a ternura com que fala dos bordados e das lembranças da sua avó!Fantástico!
    bjs
    Nélia
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi, Nélia: É...os tempos estão mudando e temos que ir aceitando as mudanças.

    Por aqui ainda temos casas com quintais e árvores frutíferas. Outro dia fui na Pousada de uma amiga pegar jabuticabas para fazer geléia. Adoro essa vida de roça, tão diferente da que vivia na minha cidade de origem.

    Gosto muito de relembrar a história dos meus antepassados e valorizar a vida difícil que tiveram.
    Beijo
    Flora Maria

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Bom dia, Flora!
    Que eu saiba, acho que aqui não há pitangas, o que é uma pena.
    Deve ser uma loucura assistir a essa chuvada de granizo aí da sua casa, imagino!

    Ah... vim aqui para avisá-la que a "convoquei" para um Meme (também "convoquei" a Cláudia).

    Beijos!!

    ResponderExcluir

RECEBER SUA VISITA É MUITO BOM !
LER SEU COMENTÁRIO, É MELHOR AINDA !!!