quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

PRESÉPIO MINEIRO

"Mineiros do bem querer, da terra do leite grosso, que planta milho em caroço, prás formiguinhas comer..." Esses versos me inspiraram a fazer uma adaptação no "Presépio Vivo" que eu já tinha escrito para um teatrinho de Natal, em 1982. Para distrair e acalmar as crianças agitadas, meu filho entre eles, eu vivia inventando atividades no prédio onde morava, e o Presépio Vivo foi uma dessas atividades.

Morando em Minas Gerais, perto da terra, resolvi encenar novamente o presépio vivo, mas com uma nova roupagem. Fiz uma adaptação nos meus versinhos, e acrescentei essa introdução:
"Se Jesus nascesse agora, nas nossas terras de cá, Meu Deus, minha Nossa Senhora, como havera de ficá" ?
"Presente não era ouro, os reis eram diferentes, fantasiados de gente, que vive no interior."
"Pastor era lavrador, trabalhando na enxada, enquanto um dia sonhava, ser o dono de um trator".

"Maria moça bonita, sempre vestida de chita, virava milho em fubá".
"José do campo gostava, e com prazer trabalhava, numas terras acolá".

"Prá saber como será, essa história diferente, preste atenção minha gente."
"Nestes artistas-semente, que vão mostrar num repente, este auto de Natal".
Vencendo minha timidez natural, li essa introdução para os presentes.
Os pequenos artistas diziam seus versos e assumiam suas posições no Presépio Vivo.

Os artistas eram meus alunos de Jardinagem, moradores do meu bairro, e entre eles, meu neto.
O teatro, o já famoso Casarão do Cafundó.
A data: 15 de dezembro de 2002
Transformei os Reis Magos em reis da nossa realidade atual: Rei do Milho, Rei do Queijo e Rei da Água Mineral.
Os pastores viraram lavradores, carregando a enxada de cartolina prateada.

O José e a Maria, compenetrados nos seus papéis: ele arrumando o saco cheio de milho e ela cuidando do Menino. Uma gracinha essas crianças ! Nem preciso dizer que fiquei emocionadíssima com a representação deles.

Um boi, um carneiro, um cantador e a estrela. As roupas, "fabricadas" por mim, aproveitando o que eu já tinha, e fazendo outras peças bem estilizadas, pois não sei costurar. Chita, panos tingidos, juta, acrilon para a roupa do carneiro...
Muito, muito trabalho.

Ensaiar essa turminha não foi nada fácil ! Mas a festa foi um sucesso, com mais de 100 pessoas assistindo, 2 jornais da cidade fazendo a cobertura, e as crianças orgulhosas de seu trabalho.
Os familiares e vizinhos compareceram para aplaudir seus artistas.

A Folia de Reis do bairro também fez sua apresentação.

Meus "quinze minutos de fama" no jornal local.

Apesar do enorme trabalho e da imensa preocupação, gostei muito dessa atividade. O resultado final foi muito bom.
Quem sabe não repito no próximo natal ?

10 comentários:

  1. Nossa! O João tava pequenininho aí... em pensar que agora me carrega no colo! rs

    Bem, 25 minutos adiantada, aproveitei para vir aqui deixar os parabéns, agora sim! No dia certo! ;-)

    beijão, mãe!

    ResponderExcluir
  2. Minha querida... vim lhe desejar toda a felicidade neste próximo ano...que começa agora...
    Que a vida lhe sorria sempre...

    Que saúde seja o ingrediente principal desta sua caminhada tão linda...

    FELIZ ANIVERSÁRIO MINHA QUERIDA...

    ResponderExcluir
  3. Flora minha querida...Mais uma vez deixo meu carinho neste seu dia de aniversário...

    Interessante que deixei os parabéns no dia 11 de dezembro, e saiu dia 10...
    Mas o que vale é que estou aqui...desejnado pra voce toda a felicidade possível para você...

    Beijos...

    ResponderExcluir
  4. É mesmo, Cláudia, o JP era ainda um garotinho...
    Obrigada pelos parabéns, quase na hora certa do meu nascimento (02h40m)
    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Obrigada, Zininha pelo carinho.
    Saúde é mesmo o principal ingrediente da vida.

    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Legal, Zininha, pois recebi parabéns 2 vezes !
    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Flora.
    penso que devias repetir sim... afinal coisas boas devem se repetidas sim...
    é por isso que venhos sempre aqui repetir minhas visitas, por ser muito bom para mim... aprender contigo, ver as coisas de tua terra, conhecer as flores que tem por aí.... as árvores as pessoas, o teu jeito de ser...

    um beijo de luz

    ResponderExcluir
  8. Oi,Rosan:

    Também gosto de repetir o que é bom, e um exemplo são os livros que releio, os filmes que torno a ver.

    Também estou sempre visitando seu blog e conhecendo mais um pouco de cactus e suculentas.

    Beijo

    ResponderExcluir
  9. Oba tudo blz aí? Estou passeando pelas paginas. Qdo der e c der acessa meu blog para uma visita WWW.ECOSDOTELECOTECO.BLOGSPOT.COM . Sucesso aí. Abraço

    ResponderExcluir
  10. Oi, Fábio:
    Obrigada pela visita e pelo comentário.
    Como v. me encontrou ?
    Já dei uma passada rápida no seu blog, mas depois vou visitar com mais calma.

    ResponderExcluir

RECEBER SUA VISITA É MUITO BOM !
LER SEU COMENTÁRIO, É MELHOR AINDA !!!