quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

CULINÁRIA VEGETARIANA - Quibe de Ricota

Que tal começar o ano com uma fácil e deliciosa receita vegetariana ?
Para aqueles que ainda estranham essa forma de alimentação, sugiro visitar alguns blogs especializados, pois de lá poderão tirar sugestões muito boas.
Acrescento também que, dentro da minha filosofia naturalista, não basta ser vegetariano.
Eu praticamente não uso produtos industrializados como, caldos, molhos, maionese, adoçantes, margarina, temperos prontos e outros mais, dessa infindável oferta que existe nos supermercados. Viver simples, é a meta.

Depois que descobri essa receita de Quibe, tenho feito com frequência.

Mais uma vez, o marido chegou antes da câmera fotográfica !!!
Como podem observar, a aparência desse Quibe é bastante semelhante ao outro que já mostrei aqui.

A diferença é que a Ricota é incorporada à massa.
Para quem não conhece, aqui está a Ricota.

Ricota
O Ricota é um queijo italiano feito do soro resultante da fabricação de queijos como mussarela e provolone. O Ricota tem textura similar ao queijo cottage, porém consideravelmente mais leve.

QUIBE DE RICOTA

1 xicara de triguilho - 1 cebola gr. picada - sal à gosto
1 ricota - 5 col. (sopa) de azeite - folhas de hortelã à gosto

Lave o triguilho, escorra e deixe de molho em 1 xícara de água. Amasse a ricota.
Misture o triguilho ( com a água em que ficou demolhado) aos os outros ingredientes.
Ponha em forma untada e asse por 30m ou 40m.

Muito leve e saboroso, esse Quibe é atualmente uma das minhas receitas preferidas.

Vejam outros recantos vegetarianos:
http://publicarparapartilhar.blogspot.com/ - da minha amiga Rute.
http://cantinhovegetariano.blogspot.com/

16 comentários:

  1. Olá, Flora querida!
    Anda bem inspirada eu estou drenada com o calor, computador resolveu pifar. Adorei essa receita, porém não gosto de ricota, substituir com... Idéia???
    beijinhos

    ResponderExcluir
  2. O problema aqui é o mesmo da primaveril, marido não gosta de ricota...o que fazer?
    a receita parece ótima!
    bjs
    Tina (MEU CANTINHO NA ROÇA)

    ResponderExcluir
  3. Olá, querida Flora
    Estou com muita vontade de comer quibe nestes dias... deve ser a adrenalina que estou consumindo... rsrsrs... bem vc falou!!!
    Mas, falando sério, deve ser especial... vou fazer logo logo...
    Estou passando o dia com sites de culinária light... veio a calhar seu post!!!
    Bjs de paz

    ResponderExcluir
  4. Oi, Primaveril:

    Imagino o calor do verão carioca, pois já vivi por muitos e muitos anos esse sofrimento !

    Creio que o queijo minas pode ser um bom substituto. Mas será que a ricota estando misturada com o triguilho você gostaria ?
    Não custa experimentar...

    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Oi, Tina:
    Veja a solução que dei para a Primaveril.
    Meu neto não gostava de ricota e eu fazia o quibe recheado, (aquela outra receita que já coloquei aqui)com o queijo Minas. Agora ele já está aceitando a ricota !
    Pode ser que dê certo nessa receita...

    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Oi Flora
    Ótima receita pra ser feita aqui em casa. Tenho uma filha que parou de comer carne há 4 anos, e tenho que variar o cardápio sempre.
    Adorei a sugestão que você me deu sobre os comentários aparecerem junto com a postagem, também gosto deste jeito. Só que tem um probleminha, não sei como fazer isto, você pode me ajudar?
    Bjo

    ResponderExcluir
  7. Oi, Maria Célia:
    O processo é o seguinte:
    1) clique em Design
    2) clique em Configurações
    3) clique em Comentários
    4) Escolha na Posição do Formulário de Comentários a opção: Postagem Abaixo Incorporada

    É só isso !

    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Falou em quibe? Já estou cá!
    Que delicia de quibe de forno com ricota! Não admira o Gilberto ter chegado antes da máquina fotográfica :) Que Mestre tão guloso!!!!
    Vou procurar a ricota assim em bloco, pois cá só vi ricota género pasta de queijo.
    Beijinho de quibe, amiga Flora ;)
    P.s.-Descobri triguilho de espelta. Estou prestes a experimentar. Talvez post para a semana.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Orvalho:

    Sua vida é muito completa: adrenalina e meditação.
    Quer coisa melhor ?
    Beijo

    ResponderExcluir
  10. Oi, Rute:
    Seu mestre é guloso, mas sem excessos !
    Esta semana fiz um doce-de-abóbora em panela de barro, no fogão à lenha improvisado. Ele adora doce-de-abóbora e comeu até se fartar !

    Beijo

    ResponderExcluir
  11. Vou fazer, substituindo a ricota por TOFU; depois te conto!

    ResponderExcluir
  12. Não admira Flora. Doce em panela de barro no fogão de lenha só pode ser de comer até fartar e chorar por mais quando termina!
    Comida de fogão de lenha é outra coisa! Incomparável com fogão a gás ou a electricidade.

    Quanto à Teia, também não consigo entender o motivo de tão pouca adesão. Tem pessoas que se dão mal com mudanças e com liberdade em excesso, talvez seja isso. Por exemplo, meu marido detesta mudanças. Já eu, sou um 5 puro! E minha filha vai pelo mesmo caminho, adora novidade, adora mudar de escola, de centro de terapia, conhecer gente nova, sem esquecer os amigos que já tem, claro.

    Bom, mas até eu fiquei meio "perdida" quando me vi sem tema na Teia. Dai ter pegado no assunto do Gilberto dos sacos plásticos, para falar no meu blog sobre bioplásticos. É engraçado que a Renata fez o mesmo consigo Flora. Ela pegou no seu tema e desenvolveu noutra vertente :)

    Para FEV já tenho tema escolhido!
    Beiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiijo!
    Rute

    ResponderExcluir
  13. Oi, Rosângela:

    Sabe que eu não costumo usar tofu ? Até sei fazer - dá um trabalhinho, né ? Mas deve ficar bom...

    Beijo
    PS: relembro com carinho aqueles dias em que v. ficou aqui conosco e inventamos de fazer um curau com o milho fresquinho comprado do meu amigo Matias, lá na feira da Federal...

    ResponderExcluir
  14. Oi, Rute:
    O meu lado rural adora esse fazer comida no fogão de lenha, apesar do calor, da fumaça e do cuidado que temos que ter para controlar o calor do fogo.
    Ainda não fizemos nosso fogão de lenha (o 2º, pois o primeiro desabou...) e só improvisamos uns tijolos e uma grelha de fogão por cima. Não tem sistema algum de exaustão e é fumaça por todo lado!

    Quanto à Teia, eu e o Gilberto pensamos que sendo com tema livre mobilizaria mais as pessoas, sem ter que falar de algo já estipulado. Parece que o tiro saiu pela culatra...

    Pensamos que, tendo tantas notícias falando sobre meio ambiente, seria fácil buscar o tema nos meios de comunicação.

    Eu foquei em Janeiro as enchentes, coisa que normalmente acontece. Em Fevereiro vou pesquisar o que andará acontecendo, e vamos por aí afora.
    Também podemos falar daquilo que mais nos aflige e incomoda. A liberdade é total !

    Beijo

    ResponderExcluir
  15. Oi, Anônimo:

    ""......""
    Apesar de postar como anônimo, você poderia colocar seu nome...

    ResponderExcluir

RECEBER SUA VISITA É MUITO BOM !
LER SEU COMENTÁRIO, É MELHOR AINDA !!!